E quanto mais eu rezo…

Devo ter atirado pedra na cruz… Deus do céu… Puta que pariu… Não é possível…

E quanto mais eu rezo, pior fica.

Como diria “Maiara e Maraisa” ou seja lá quem for que cante isto, “o meu cupido é gari.”

Só pode ser…

O pior é que eu nada pedi.

Não pedi nada.

Aliás, acho que não pedi nada a ele a vida inteira.

Na verdade, até desconfio da existência deste ser…

… Entretanto, como tem sempre a primeira vez (dizem), talvez eu devesse experimentar, para ver se alguma coisa mágica acontece ou muda; porque está difícil.

O mané diz que me respeita, mas toda vez que fala comigo, só abre a boca para falar besteira… Se isto é respeito, acho então que ele deva estar perdendo a noção da realidade, do perigo ou eu ando bem equivocada sobre o real significado da palavra.

E olha que nem lhe dei liberdade e menos ainda ousadia.

Está perdendo a mão… Tadinho, se achando o galã.

… O fodástico.

Para que saiba, engano sou… Fodástica aqui, sou eu.

Vou dizer pela última vez; cansei de ser educada com você.

Pegue esse seu pauzinho de merda que deve ser pequeno e enfie no seu próprio rabo.

Eu não tenho vontade nenhuma com você… Isto, é coisa da sua cabeça inútil, vazia, fértil, fútil e de quem provavelmente, não tem o que fazer.

E se você não tem, problema é seu… Porque eu tenho; e muito.

Entenda de uma vez por todas…

Se você fosse a última Coca-Cola do deserto eu morreria de sede; e se fosse o último Temaki de atum cru com cream cheese e cebolinha, morreria de fome… E olha que  o  Temaki de atum cru, desperta em mim sensações que tenho certeza que você jamais despertaria… E para eu rejeitar…

Recado dado.

Pare de ser chato.

Passar bem… Eu, vou parar de rezar!!!

CintiaOlimpio

CintiaOlimpio

Eu sou uma misturinha de tudo...
Loucura, sensatez, bagunça e lucidez...
Tem um pouco de mim aqui... Outro tanto acolá e muito espalhado por aí.
Sou uma mistura de sol, vento, brisa e mar...
Vezes calmaria e outras ventania... Menina.
Apaixonada pelas palavras, pelos sorrisos alheios, por mãos e por costas... Por mentes brilhantes também.
Devoradora de livros e um tanto desequilibrada quando se trata de natureza, esportes radicais e liberdade.
Escolhi os números como profissão, mas tenho descoberto que posso ser bem mais do que isto... Posso me tornar o que eu quiser... E provavelmente, me tornarei um tanto de outras coisas!!!
CintiaOlimpio

Últimos posts por CintiaOlimpio (exibir todos)

Deixe uma resposta