Por que a vida tem um preço muito alto

Esta semana, a foto de um garoto nigeriano de 13 anos de idade, viralizou as redes e ganhou o mundo; foto esta que havia sido postada nos meados de outubro.

O garoto foi fotografado ao estar sentado em uma feira noturna no chão, e enquanto vendia os seus legumes e da família, também estudava.

Oyinemi Nicholas Endeley foi o fotografo responsável pela divulgação da foto nas redes sociais e talvez, o grande mentor por trás de um sonhado futuro, que a sua foto possivelmente venha proporcionar para que este menino, diferentemente do de seus pais.

Não se sabe quem é o anjo da guarda, mas ao ver a foto, alguém se sensibilizou com o esforço do garoto e se propôs a pagar seus estudos até que ele se tornasse um PhD ou algo ainda maior.

Em um novo capítulo desta história, iniciou-se uma grande busca para descobrir quem ele era e como encontrá-lo novamente.

Ele se chama Miracle Dada Jacobs, soube-se que se dedica muito aos estudos e foi reencontrado no mesmo lugar.

Inicialmente, a mãe ficou temerosa a revelar aonde o garoto se encontrava, com medo de que ele estivesse feito algo que o prejudicasse; mas ao revelarem a ela o porque da procura a ele, ela cedeu e o apresentou.

A torcida de todos e nossa, é para que o suposto “anjo” realmente cumpra com o prometido. Mas mais do que isto, que o destino e a vida facilitem ao menos uma vez, a quem tanto se dedica a ela, se esforça e tem tão pouco em troca.

Termino este texto fazendo usa das palavras do “Teatro mágico”:

“Que no fundo, é simples ser feliz… Difícil, é ser tão simples.”

… Por que a vida tem um preço muito alto; preços estes aos quais muitos de nós, jamais conseguiremos pagar… Infelizmente!!!

CintiaOlimpio

CintiaOlimpio

Eu sou uma misturinha de tudo...
Loucura, sensatez, bagunça e lucidez...
Tem um pouco de mim aqui... Outro tanto acolá e muito espalhado por aí.
Sou uma mistura de sol, vento, brisa e mar...
Vezes calmaria e outras ventania... Menina.
Apaixonada pelas palavras, pelos sorrisos alheios, por mãos e por costas... Por mentes brilhantes também.
Devoradora de livros e um tanto desequilibrada quando se trata de natureza, esportes radicais e liberdade.
Escolhi os números como profissão, mas tenho descoberto que posso ser bem mais do que isto... Posso me tornar o que eu quiser... E provavelmente, me tornarei um tanto de outras coisas!!!
CintiaOlimpio

Últimos posts por CintiaOlimpio (exibir todos)

Deixe uma resposta